Login
Registe-se
Institucional

s5 logo

Registo Novo Site Confiança e Solidez Açores Encontro Regional 2018 Argolas Provedor do Sócio

FA SANTANDER PV NEG RGB

LOGO GDST 1ESTÃO ABERTAS AS CANDIDATURAS A PROVEDOR DO SÓCIO

 

 

 

 

 

O artigo 13.º dos Estatutos e o artigo 14.º do Regulamento Geral Interno do GDST, aprovados em Assembleia Geral de associados realizada em 17-11-2017, consagram a criação do cargo de Provedor do Sócio na Estrutura do Grupo Desportivo.

O Provedor do Sócio tem por função promover e defender os direitos e garantias dos associados, face a eventuais incumprimentos dos Estatutos, do Regulamento Geral Interno ou de outra regulamentação específica da associação.

O cargo é desempenhado por associado em pleno gozo dos seus direitos e deveres, com o mínimo de 10 anos de antiguidade na associação, com perfil idóneo e independente face aos atuais Órgãos Sociais do Grupo Desportivo Santander Totta.

Podem candidatar-se os associados efetivos nestas condições, apresentando as suas candidaturas, as quais serão objeto de apreciação por um colégio composto por cinco elementos afetos aos atuais Órgãos Sociais, abaixo nomeados, sendo estes a analisar e a determinar a sua admissão.

A eleição do Provedor do Sócio será efetuada em Assembleia Geral de associados, por votação das candidaturas admitidas,  sendo eleito o que obtiver maior número de votos dos presentes.

As funções básicas estão descritas nos Estatutos e no Regulamento Geral Interno, ambos disponíveis no sítio Web www.gdst.pt , as quais se aconselham a consultar.

Se reúne as condições necessárias e reside em si disponibilidade e apetência para participar numa organização que se pretende justa, eficaz e próxima dos interesses dos associados, então convidamo-lo a exercer o seu direito de candidatura.

As candidaturas, conforme já divulgado, estão abertas até 30 de junho, devendo ser dirigidas para a sede do GDST, em envelope fechado e endereçado ao Presidente da Mesa da Assembleia Geral.

Face ao período de férias que já se faz sentir, aceita-se uma tolerância de 10 dias para a entrega das candidaturas.

COMPOSIÇÃO DO COLÉGIO DE APRECIAÇÃO DE CANDIDATURAS:

MESA ASSEMBLEIA GERAL:            Cristina Damião de Jesus

DIREÇÃO:                              Francisco Duarte, Ana Paula Antunes, Luis Oliveira

CONSELHO FISCAL:            João Machado

A DIREÇÃO